10.000 a.c.

10.000 B.C. – 2008

Direção: Roland Emmerich

Roteiro: Roland Emmerich, Harald Kloser

Elenco: Steven Strait, Camilla Belle, Cliff Curtis, Joel Virgel, Affif Ben Badra

Mais uma prova de que grandes quantias de dinheiro e muito efeito especial não conseguem salvar um filme se ele não tem um roteiro minimamente decente. O mais novo Blockbuster de Hollywood segue todo o protocolo de uma mega produção: elenco de apoio gigantesco e duplicado via computador quando se precisa de muito, mais muito mais gente, grandiosas cenas de batalha, uso de animais enormes e milhares de locações diferentes.

Com duração aproximada de uma hora e meia, 10.000 a.c. parece um Apocalypto piorado, sem o charme existente no filme de Mel Gibson. É um filme completamente desnecessário, pois mistura vários tipos de civilizações, as atuações são péssimas, os efeitos deixam muito a desejar, o roteiro é praticamente inexistente e o final é a coisa mais clichê do mundo. Aliás, o filme é todo um clichê.

Pode ser um filme que fature muito, única e exclusivamente por ser uma mega produção cheia de ações de maketing por traz, mas não leva ninguém a lugar nenhum e nem tenta passar nenhuma mensagem, por mais idiota que pudesse ser.

Não perca seu tempo, 10.000 a.c. não presta.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: