O Nevoeiro

The Mist – 2007

Direção: Frank Darabont

Roteiro: Frank Darabont

Elenco: Thomas Jane, Marcia Gay Harden, Laurie Holden, Toby Jones, Nathan Gamble

“O Nevoeiro” deve ser o filme em quem mais estejam presentes as idéias idiotas com conseqüências toscas. As personagens parecem umas verdadeiras antas, pois cometem os mesmos erros várias vezes e continuam insistindo até se estreparem por completo.

Mesmo sendo baseado em um livro de 1985 de Stephen King, “O Nevoeiro” tem seus “Tropas Estelares” quando aparecem uns insetos gigantes e sanguinolentos. O que torna o filme realmente chato, beirando o insuportável é a insistência em uma conversa religiosa extremista e em uma personagem que da vontade de esmagar o pescoço.

A história do filme se passa em uma pequena cidade dos Estados Unidos onde se localiza uma base militar. Depois de uma tempestade que derrubou uma árvore que acertou parte de sua casa, o desenhista David Drayton (Thomas Jane) e seu filho Billy (Nathan Gamble) vão até um supermercado na cidade para comprar alguns mantimentos e coisas para consertar a casa. Durante a compra, um nevoeiro toma conta da cidade, mas o que tornas as coisas perigosas é que o nevoeiro esconde uns mosntros que está atacando as pessoas.

Refugiados no supermercado, pai e filho tem a companhia de outros clientes e funcionários da loja. A principio ficar trancado no supermercado é a melhor solução, mas os conflitos entre as pessoas começam a ocorrer, principalmente pela presença da senhora Carmody (Marcia Gay Harden), uma beata idiota que só sabe falar de deus e da ira divina.

O grupo fica no supermercado por 2 dias e enfrentam um ataque de insetos gigantes e as palavras da senhora Carmody começam a converter uma parcela maior dos refugiados. Preocupados com a loucura da beata, um pequeno grupo, liderado por David resolve sair do supermercado, mas são impedidos por ela e seus seguidores. Após conseguirem se livrar, eles fogem para o carro de David que está no estacionamento e com o objetivo de seguir até onde a gasolina permita eles pegam a estrada e tentam fugir do nevoeiro. Depois de alguns kilometros rodados a gasolina acaba, mas o nevoeiro não e para finalizar o filme com chave de bosta, as personagens tem mais uma idéia idiota, que se revela completamente estúpida 10 segundos depois.

“O Nevoeiro” é muito, mas muito chato, da raiva pela burrice das personagens e tem um final horrível, não presta.

Comments
7 Responses to “O Nevoeiro”
  1. Luanna disse:

    Como vc vê essas coisas antes da estréia?
    o.O

  2. Lucas disse:

    clica na foto ou no nome do filme que vc vai entender!!
    hehehehehehe🙂

  3. Hahahahahahahahah! Torrent, baby!
    Deus abençõe os Torrents.

    Bem… eu assisti esse filme duas vezes (a última vez, essa semana, numa Mostra Melhores de 2008).

    E posso dizer que não é um filme fácil. A crítica social é muito boa! E o final, não poderia ser de outra forma.

    É um filme que gerou e ainda gera muita discussão.

    Bem, é só a minha humilde opinião.

  4. Tipo… da primeira vez que o vi, achei o final desnecessário.

    Mas isso não faz o filme ser ruim.

  5. Tipo… eu gosto de, quando falar nesse filme, ressaltar bastante a crítica social contida nele.

    Mas, como se vê muito isso em outros filmes / livros: Ensaio sobre a cegueira e até Enigma do outro mundo. Eu vou perdoar😛

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: