Dragonball: Evolução

dragonballDragonball: Evolution – 2009

Direção: James Wong

Roteiro: Ben Ramsey

Elenco: Justin Chatwin, Yun-Fat Chow, Emmy Rossum, James Marsters, Eriko Tamura, Jamie Chung, Randall Duk Kim, Ernie Hudson, Joon Park

Vamos contrariar a massa e falar bem de “Dragonball: Evolução”. Se por um acaso tenha algum leitor na faixa dos 10 anos aqui no blog, amigo, você irá adorar o filme, ele foi feito pra você. Se você é um cado mais velho e acompanha Dragonball desde sua infância, amigo não veja, te dou essa dica, nada aqui vai lhe agradar. Acho que essa divisão deve ser considerada ao falar desse filme, pois pouca coisa dele foi feita para o antigo fã do desenho ou do mangá, mas mirada de uma forma que creio certeira nos novos e futuros fãs dos Saiyajins.

Um problema que fica evidente aqui, foi a compilação de 153 capítulos dos desenhos animados em 90 minutos de filme. Muita coisa fica mal explicada, mal trabalhada e deixada para trás. Sou a favor de adaptações e algumas alterações, cinema não é tv e nem literatura, mas mutilação não é uma coisa boa. Outra coisa que não fez o menor sentido, foi a tentativa de dar um realismo maior ao filme, cortando algumas coisas legais e básicas do original, mas bem, um ser verde de outro mundo e pessoas que usam seu ki para soltar kame hame ha é muito realistico né? Vai entender o que os produtores consideram como realistico.

Bem, a curtíssima história conta o início da saga de Goku (Justin Chatwin) na busca das esferas do dragão, bolas de cristal mágicas que juntas invocam o dragão Shen Long que concede um desejo a seu portador. Goku foi criado por seu avô, Son Gohan (Randall Duk Kim), que morre após ser atacado por Lord Piccolo (James Marsters), um poderoso guerreiro que está de volta após 200 anos ter tentado dominar o mundo. Querendo vingança e atendendo o pedido avô de chegar as esferas antes de Piccolo, Goku tem a ajuda de Bulma (Emmy Rossum), uma cocota super tecnológica e do mestre Roshi (Yun-Fat Chow), um poderoso e maluco guerreiro.

Juntos, os três vão em busca das esferas, mas o poderoso Piccolo e sua ajudante, Mai (Eriko Tamura) estão sempre um passo a frente e acabam encontrando as esferas primeiro e quando Piccolo está pronto a invocar Shen Long, Goku e sua turma chegam para atrasar os planos do guerreiro e o combate final decidirá o futuro da Terra.

A passagem de tempo no filme é horrível, com uma semana tendo a mesma duração de duas horas ou dois dias. A evolução de Goku como guerreiro é muito rápida e quase não tem a menor importância. A participação de Piccolo também é nula, no filme ele não aparenta ser tão poderoso como é no original e ai vocês podem tem uma noção de como compactado foi a história.

O filme é legalzinho, engraçadinho, mas não é nada demais e muito voltado para o público infantil. Não da pra dizer que é ruim, mas peca ao não focar em um público maior  e ao esquecer dos fãs antigos.

Links

Comments
8 Responses to “Dragonball: Evolução”
  1. Felipe disse:

    assistiu o filme aonde ?

    0o

  2. Porra!

    Essa turma nunca ouviu falar em Torrent não?

    Vamos analisar:

    Roteiro americanizado + desrespeito + 90 min = BOMBA!

    • Lucas disse:

      correção, não é só o roteiro que é americanizado nao. o filme todo é assim!!🙂
      enfim, como eu disse pra um amigo meu que é fã de dragonball. pra quem é mais velho, o filme vai ser realmente um lixo, um desrespeito e talz. mas quem é mais novo com certeza vai adorar, quero que meu irmão de 10 anos veja. duvido q ele nao vá gostar.

  3. Hahaheuaheuhaeaueau!

    Com certeza teu irmão de 10 anos vai amar esse filme!

    Mas é aí que você vê o desrespeito da produção: Não fizeram o filme para os fãs.

  4. antônio disse:

    eba que bom tenho um espaço pra falar hum… pra ser sincero mesmo o filme é legal muito bom os personagem até a histórias eu gostei muito mais lembrando que o desenho e mil vezes melhor é claro só não gostei de uma coisa os efeitos especiais na minha opinião ele deveria levar mais tem pra construir esse filme devidos os efeitos especial porque no desenho é uma coisa de impressiona mais no filme você mal nota isso bom eu imagino que logo logo vai vir o dragon ball 2 com vedita a transfomação do saiadim dois essas coisa só que seria muito legal ele se preocupa mais com os efeitos especiais esse é minha critica sobre o filme

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: