24 horas – 7ª Temporada

2424 – Season 7 – 2008/2009

Direção: Jon Cassar, Brad Turner, Michael Klick, Milan Cheylov

Roteiro:  Manny Coto, Brannon Braga, David Fury, Alex Gansa, Evan Katz, Alex Gansa, Chip Johannessen, Juan Carlos Coto, Howard Gordon

Elenco: Kiefer Sutherland, Carlos Bernard, Annie Wersching, Cherry Jones, Mary Lynn Rajskub, Jon Voight, Jeffrey Nordling, Hakeem Kae-Kazim, Bob Gunton, Janeane Garofalo, Elisha Cuthbert, James Morrison, Glenn Morshower, Frank John Hughes, Will Patton, Leland Orser, Amy Price-Francis, Sprague Grayden, Omid Abtahi, Carlo Rota, Colm Feore, Kurtwood Smith, Tony Todd, Rhys Coiro


Depois de uma looonga pausa, “24 horas” voltou e como sempre com Jack Bauer chutando bundas, mas com um pequeno porém que explico a seguir.

A sétima temporada começou c0m “24 horas: A redenção”, que era um pré-episódio para toda história.  Acaba que os acontecimentos em “A Redenção”, se mostram apenas um pequeno item na grande conspiração que existe desde as temporadas anteriores. O grande vilão no início é o Coronel Dubaku, que em um plano para evitar que a presidente Allison Taylor envie suas tropas para invadir Sangala. Dubaku conta com a ajuda de um fortíssimo personagem da série, Tony Almeida, sim amiguinhos, Tony está vivo e aparece como vilão.

A intenção de Dubaku é com um dispositivo, controlar todo o sistema de defesa americano e assim poder chantagear a presidente. Para combater o perigo, a agente Renee Walker do FBI, pede ajuda a Jack, que tinha retornado aos Estados Unidos no final de “A Redenção” e está enfrentando um tribunal por seus excessos cometidos quando era membro da UCT. Logo que Jack entra na jogada, Bill Buchanan o contata dizendo que Tony está trabalhando com ele em uma missão super hiper mega secreta. Então Jack entra em uma furada, ter que trair a agente Walker e ajudar Tony a escapar.

Com a fuga, os dois viram alvos do FBI, mas o disfarce de Tony com o grupo de Dubaku continua e a missão com Bill continua. Juntos com Bill e Chloe, Jack e Tony conseguem desmantelar o grupo e as intenções de Dubaku após alguns episódios, mas sem conseguir impedir que dois aviões fossem derrubados proximos a Casa Branca. Com tudo esclarecido com o FBI, que no final começou a ajudar Jack e Tony, eles tem que enfrentar um novo ataque, mas sem saberem ao certo qual é o alvo. Tarde demais, mas graças a agente Walker, se descobre que o alvo é a Casa Branca e o responsável é o General Juma. Em uma manobra agressiva, o General toma a Casa Branca sem muitos problemas, mas Jack consegue levar a Presidente para uma sala lacrada. Sem ter opções o General contata Jonas Hodges, que até aquele momento tinha feito pouquissímas aparições na história.

Hodges fornece uma informação importantíssima, a filha da Presidente está no local e é a única opção que Juma tem de voltar a ter uma vantagem. De posse de Olivia Taylor, Juma consegue que a Presidente saia da sala e se entregue, para depois forçá-la a ler um discurso em rede nacional em que condena as próprias decisões contra Sangala. Só que mais uma vez o dia é salvo por Jack, que junto com Bill consegue desarmar e matar boa parte dos homens de Juma e logo depois são auxiliados por agentes do FBI que cercavam o local. Bill acaba morrendo na ação, mas a Presidente está a salvo.

Com alguns segundos de tranquilidade, uma nova ameaça aparece e aqui a figura de Jonas Hodges ganha força. Toda a operação de Dubaku e Juma, foi apoiada por Hodges e sua empresa, a Starkwood, que além do suporte logístico, fornecia informações preciosas aos Sangaleses. Com as derrotas de Dubaku e Juma, Hodges acaba ficando exposto e alerta Jack para um novo ataque. Hodges está em posse de uma potente arma biologica, que já havia sido usada em Sangala e possui um efeito devastador no ser humano. A influência de Hodges acaba atrapalhando a investida do FBI, que depois de uma informação falsa perde muito tempo procurando as armas no local errado e é obrigada a se retirar da base da Starkwood. Porém Tony consegue se esgueirar e é a única esperança de desarmar as bombas, o que obviamente consegue fazer.

Quando tudo parecia estar bem, duas coisas novamente jogam tudo pra baixo. Jack havia sido contaminado com a arma biologica anteriormente e as noticias não são nada boas. O agente biologico não tem cura e ele começa a sofrer as consequencias e poderá morrer em dois dias. A segunda notícia é que Tony é realmente um filho da puta, já que logo depois de salvar o dia, ele e um soldado da Starkwood conseguem furar o bloqueio do FBI e fugir com um bomba. Tony ainda continua enganando o FBI, mas logo a mascara cai quando é questionado por Jack por uma série de coisas que tinham acontecido após o ataque a Starkwood.

Tony acaba escapando e a conspiração se mostra muito maior do aparentava ser. Um grupo a quem Hodges respondia estava planejando os ataques, mas fora traido pelo proprietário da Starkwood que em um rompante de doidera decidiu usar as armas antes do tempo. Tony consegue convencê-los, que Hodges acabou ajudando de certa forma, pois desequilibrou o governo e um novo atentado no mesmo dia poria fim a presidencia de Allison Taylor e colocaria o país nas mãos deles.

O plano de Tony é usar um bode espiatório e fazer com que o atentado pareça coisa de algum extremista islãmico. Jack possui essa informação, não exatamente a pessoa que seria usada, mas que alguém seria incriminado injustamente. Enquanto Tony, sequestra um imigrante paquistanês, Jack tenta localizá-lo e impedir o novo ataque. O plano de Tony vai procedendo normalmente, mas Jack consegue localizá-lo e prendê-lo, porém a arma já está a caminho do alvo, a última estação do metro de Washington. Na correria e no último instante, o objetivo de Tony não é alcançado e pra piorar o cara vai preso.

Como ainda faltam alguns episódios para acabar, obviamente alguma merda tem que acontecer e a próxima é que Kim Bauer (sim, a cocota voltou!!) está sendo acompanhada por “capangas” de Tony, que só vão deixar a linda mocinha em paz, se Jack liberar Tony do FBI. De novo, Jack se envolve numa treta, mas antes avisa a agente Walker do que está rolando e liberta Tony e eles partem rumo a um armazém, aonde Tony tem novos planos malignos e macabros. As novas idéias de Tony incluem retirar do corpo de Jack material suficiente para fazer uma nova bomba, nem que com isso, o cara tenha que morrer.

Jack consegue fugir, mas logo depois é recapturado por Tony que acaba contando a verdade por trás de tudo aquilo. Tony está ali para vingar a morte de sua mulher, a Michelle e passou os últimos anos se infliltrando na organização que coordenou os ataques do dia e que também é a responsável por tudo de ruim, desde a época do Presidente David Palmer. A chance de Tony de pegar o responsável por tudo é agora, já que Alan Wilson (o cabra do mal), está indo pessoalmente verificar se Jack pode fornecer material para uma nova bomba.

Jack tenta salvar a própria pele e desestimular Tony, mas o ex-amigo está doidão mesmo e não parece nem um pouco triste por colocar Jack na atual situação. Tony amarra uma porrada de dinamite em Jack e iria mandar tudo pros ares quando Alan estivesse bem pertinho de Jack, mas ai o FBI chega e o pau come, tiro pra todo lado, correria e tudo se dispersa.

Tony consegue alcançar Alan e revela todo seu planinho diabolico ao cara e na hora que vai atirar, Renee e Jack chegam e de certa forma fodem tudo, já que Tony vai preso e Alan sobrevive e como tem as costas quentes, nem liga para as acusações que podem cair sobre ele.

O final da temporada é tão broxante quanto da última, muito melodramático demais, mas pelo menos agora Jack tem uma versão feminina, a agente Walker, que no final deixa a entender que usará as tecnicas de convencimento aprendidas com o mestre. O pequeno porém que falei no início é que Jack está cheio das crises de consciência de seus feitos e torturas e isso enche um pouco o saco.

Espero que a próxima temporada não demore mais dois anos!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: