Sons of Anarchy

Sons of Anarchy – 2008

Direção: Gwyneth Horder-Payton, Stephen T. Kay, Bill Gierhart, Guy Ferland, Paris Barclay, Terrence O’Hara, Kurt Sutter

Roteiro: Kurt Sutter, Brett Conrad, Pat Charles, Dave Erickson, Jack LoGiudice, Chris Collins

Elenco: Charlie Hunnam, Ron Perlman, Katey Sagal, Maggie Siff, Mark Boone Junior, Tommy Flanagan, Kim Coates, Johnny Lewis, Theo Rossi, Ryan Hurst, William Lucking, Dayton Callie, Taylor Sheridan, Ally Walker, Adam Arkin, Henry Rollins, Jamie McShane, Emilio Rivera

Perto de iniciar a terceira temporada, vou fazer um mega resumo das duas primeiras temporadas dessa que se tornou uma das minhas séries favoritas.

“Sons of Anarchy” é um grupo de motoqueiros que tem a sua base principal em Charming, uma pequena cidade na Califórnia. Além da paixão pelas Harleys, os Sons tem outras preocupações, como vender armas e manter Charming longe de qualquer problema. Sob o comando de Clay (Ron Perlman), os Sons não deixam que drogas, prostituição e crimes cheguem em Charming e assim, mesmo com suas atividades ilegais, eles são considerados um mal necessário para a cidade.

Apesar de Clay ser o líder, o personagem principal do seriado é Jax (Charlie Hunnam), o vice presidente do grupo e enteado de Clay. O pai de Jax, foi um dos fundadores dos Sons of Anarchy e mesmo morto há 16 anos, será importante para as decisões que o filho terá que tomar. Após ler um manuscrito do pai que falava do futuro do grupo, Jax começa a ir contra as decisões de Clay e a querer um fim para o tráfico de armas e toda violência. A tensão entre os dois só piora após um erro de Clay ocasionar a morte de Donna (Sprague Grayden), esposa de Opie (Ryan Hurst), um outro membro dos Sons e melhor amigo de Jax. Sem ter como provar a participação de Clay, Jax começa uma guerra interna contra o padrasto, gerando uma desestabilização do grupo. A mãe de Jax, Gemma (Katey Sagal), é a mulher de Clay e é um forte elemento de apoio de todo o grupo. Seu jeito forte e muitas vezes rispido é o que serve para dar apoio moral a todos.

Na primeira temporada, os Sons tem que lidar com a ATF, um orgão do governo que os investiga pelo tráfico de armas. Com as informações passadas pelo chefe de polícia Unser (Dayton Callie), amigo do grupo, os Sons vão conseguindo se livrar de flagrantes e prisões, mas após um deslize em uma missão, Opie é identificado por uma testemunha e vai preso. Em um plano para desmascarar os Sons, a agente Stahl (Ally Walker), líder das investigações, faz com que Clay desconfie de Opie, achando que ele está colaborando com o governo em troca de proteção para a sua família. Mesmo após uma reunião, em que foi acertado que Opie não era um delator, Clay da a ordem a Tig (Kim Coates) para matá-lo, mas por engano quem morre é Donna. A reação de Opie a morte da esposa é se enterrar de cabeça no grupo, aceitando todo tipo de missão e estranhamente ele vai se aproximando de Clay e distanciando de Jax. Mesmo com toda  pressão, Stahl não consegue provar a ligação dos Sons com o tráfico de armas.

Na segunda temporada, o problema aumenta e além da ATF, da a crise entre Jax e Clay, um novo empresário chega a Charming disposto a tirar os Sons da cidade. Ethan Zobelle (Adam Arkin) é dono de uma tabacaria e membro da Liga dos Nacionalistas dos Estados Unidos, um grupo racista que conta com Weston (Henry Rollins) como um dos homens fortes. Zobelle tem planos para Charming e como os Sons são um obstáculo, ele usa a sua influência política e econômica para desestabilizar mais o grupo.

Zobelle começa a traficar armas para os Mayans, grupo rival dos Sons e a minar qualquer tipo de salvação economica dos motoqueiros. Gemma é estuprada por Weston e mais dois homens para passar uma mensagem a Clay, mas ela consegue manter o caso em segredo com a ajuda de Unser e Tara (Maggie Siff), a namorada de Jax. Além do estupro, Zobelle manda Chibs (Tommy Flanagan) para o hospital, deixa Otto praticamente cego e coloca fogo na Caracara, a produtora de filme pornôs dos Sons. Quando tudo parece beirar o fim do grupo, Gemma conta do estupro e consegue reuni-los e dar forças para enfrentar Zobelle.

No último episódio, Gemma mata Polly (Sarah Jones), filha de Zobelle, mas acaba sendo acusada por Stahl de matar Edmond (Callard Harris), filho de Cameron (Jamie McShane), membro do IRA e contato dos Sons no tráfico de armas. Puto com a morte do filho, Cameron invade a casa de Jax, matando Half-Sack (Johnny Lewis) e sequestrando o filho de Jax.

“Sons of Anarchy” é um excelente seriado, totalmente politicamente incorreto, repleto de violencia, bebidas, mulheres e Harleys.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: