Os Mercenários

The Expendables – 2010

Direção: Sylvester Stallone

Roteiro: Dave Callaham, Sylvester Stallone

Elenco: Sylvester Stallone, Jason Statham, Jet Li, Dolph Lundgren, Eric Roberts, Terry Crews, David Zayas, Randy Couture, Steve Austin, Giselle Itié, Charisma Carpenter, Mickey Rourke

Uma pergunta: Vocês assistiriam um filme do Godard esperando explosões, tetinhas ao vento e zumbis? Se a resposta for o óbvio não, porque razão alguem assiste um filme escrito e dirigido por Sylvester Stallone e com as participações dos maiores nomes dos filmes de ação dos anos 80 e 90 e reclama que a história é fraca e as atuações não são boas? “Os Mercenários” é um filme de ação, feito para explodir coisas e chutar rabos, sem ficar se preocupando em contar uma história coesa.

Com cenas gravadas no Brasil, o filme ganhou uma polêmica pouco antes do seu lançamento, quando Stallone disse uma verdade que incomodou os hipócritas. O filme tem em seu elenco alguns dos nomes mais importantes dos filmes de ação, inclusive com uma cena em que Sylvester Stallone divide a tela com Arnold Schwarzenegger e Bruce Willis. Além dos três, estão presentes Jason Statham, que quase divide o filme com Stallone, Jet Li, Dolph Lundgren, Terry Crews, Randy Couture, Steve Austin, Mickey Rourke, David Zayas, Eric Roberts e a brasileira/mexicana Giselle Itié, que só nesse filme fez mais coisa que o Rodrigo Santoro em todas as suas participações em Hollywood.

Um grupo de mercenários comandado por Barney Ross (Sylvester Stallone) é contratado por um homem que prefere não se identificar para uma missão em uma ilha controlada por um ditador. Barney e Lee (Jason Statham) dão um pulinho na ilha para verificar a situação e tendo Sandra (Giselle Itié) como guia, eles verificam que a ditadura é forte no lugar. O General Garza (David Zayas) tomou o controle do país com a chegada de James Munroe (Eric Roberts), um ex-agente da CIA, que agora pretende ganhar dinheiro com cocaína.

Surpreendidos, Barney e Lee entram em confronto com o exército de Garza e antes de saírem dali, detonam o porto com vários militares. Sandra decide continuar no país e lutar e Barney e Lee desistem da missão, reconhecendo que ela não valia a pena. Enquanto Barney vai tendo uma crise de consciência e reavaliando se aceitar a missão é uma boa ou não, Munroe trama um contra-ataca, tendo a ajuda de Gunner (Dolph Lundgren), um membro do grupo de Barney que ficou puto após ser enxotado por seus problemas com drogas. O ataque de Gunner é resolvido rapidamente por Barney e Ying (Jet Li).

Barney, Lee, Ying, Hale (Terry Crews) e Tool (Randy Couture) partem fortemente armados para a ilha do General Gaza com o objetivo de derrotar o ditador, acabar com Munroe e libertar Sandra, que mesmo sendo filha de Garza foi presa pelos homens de Munroe.

Com pouco mais de uma hora e meia, “Os Mercenários” é um excelente filme de ação, com explosões a cada cinco segundos, porrada comendo solta e sangue, muito sangue no estilo de “Rambo IV”. As coreografias são muito bem executadas e violência é o que não falta, para um filme de ação isso é sinônimo de sucesso, então “Os Mercenários” presta bastante.

Comments
2 Responses to “Os Mercenários”
  1. Dante disse:

    tanto filme bom q vc detona e depois diz q esse presta?
    o filme ficaria melhor sem o Stallone, um velho que pensa q ainda pode fazer esse tipo de filme

  2. Felipe disse:

    Eu não axei bom, só vi braços sendo quebrados, tiros, um idoso bancando o matador e sem nenhuma história.
    Tá certo que pra um filme de ação a história não precisa ser perfeita, mais daí já é d+, o stalone resolveu matar todo mundo só porque se sentiu culpado?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: