O Assassino em Mim

Um dos primeiros vídeos que apareceram de “O Assassino em Mim” era uma cena em que o personagem de Casey Affleck espanca brutalmente a personagem de Jessica Alba. Mesmo com todo reconhecimento que o vídeo teve, o filme não ganhou uma boa distribuição. Aqui no Brasil o lançamento foi direto em DVD e em outros países o filme ainda nem chegou.

A trama lembra muito a de “Psicopata Americano”, livro que virou filme com Christian Bale no papel principal, mas vale dizer que o filme é um remake de um filme de 1976, que por sua vez era uma adaptação de um livro escrito por Jim Thompson. Aqui, Lou Ford (Casey Affleck), é um xerife acima de qualquer suspeitas que vê nascer dentro de si um assassino sem escrúpulos. A atuação de Casey Affleck, a mesma de sempre, funciona aqui, já que seu xerife é um homem praticamente desprovido de sentimentos e emoções. A falta de respostas de Affleck é o ideal para um personagem que não responde a nenhum estímulo físico ou psicológico.

O filme se passa no Texas nos anos cinquenta, onde Lou Ford é um jovem xerife de uma pequena cidade do interior. A cidade, com seus aspectos interioranos e com fortes raízes do Texas, cresceu em pouco tempo e guarda uma característica marcante, as aparências valem e muito para  a sociedade. Sem ter grandes tarefas, Lou ajuda seus conterrâneos com favores no limite da lei e é com uma dessas ajudas que ele acaba conhecendo Joyce (Jessica Alba), uma prostituta que se envolveu com o filho de um dos homens mais influentes da cidade.

Lou recebe a missão de entregar um dinheiro para Joyce e expulsá-la da cidade, mas acaba se envolvendo com ela em uma relação de sexo e violência. O relacionamento faz brotar em Lou um assassino frio e sem pudores, que sem motivos aparentes, começa a se envolver ainda mais com mortes e violência.

O final deixa um pouco a desejar, mas foge bastante com o de “Psicopata Americano”, não deixando mais margens para comparações. “O Assassino em Mim” é um bom filme mesmo tendo os inexpressivos Casey Affleck e Jessica Alba como protagonistas.

Nota 7

Título Original: The Killer Inside Me – 2010

Direção: Michael Winterbottom

Roteiro: John Curran

Elenco: Casey Affleck, Kate Hudson, Jessica Alba, Ned Beatty, Elias Koteas, Tom Bower, Simon Baker, Bill Pullman

Comments
One Response to “O Assassino em Mim”
  1. Gilberto disse:

    O filme é bom, bem dirigido e é ao estilo noir. Nas mãos dos irmãos Coen ficaria ainda melhor. As cenas violentas são necessárias para mostrar a frieza e a linha de “raciocínio” que o protagonista usa para tentar sair da teia em que se meteu.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: